A Tag de hoje, vai explicar melhor como surgiu o seu blog e como manter o seu quadro de leitores super ativo. Quem me indicou, mais uma vez, foi minha querida amiga Vivi do VIVIMETALIUM. Não acredito que ela precise de apresentações, mas posso dizer que além do trabalho fascinante e de tudo o que publica com tanto empenho, é uma pessoa doce, gentil e generosa. Vale a pena por tudo isso e mais um pouco.

Regras:

  • Fazer um post explicando porque você começou a blogar e dar algumas dicas;
  • Nomear blog de seus amigos blogueiros;
  • Comentar no blog dessas pessoas para que saibam que foram nomeados.

Bem, minha história é bem sem graça, na verdade. Tinha um amigo que, por insistência de muitos, inclusive minha, resolveu fazer um blog, isso foi em Julho desse ano. Como sou a rainha dos bastidores, fiquei mais que feliz em ajudar no que podia. Só que ele estava em outra cidade e a única forma de ajuda-lo, na minha cabeça, era criando um blog só pra ver como funcionava.

Sou terrível com quase tudo relacionado a computadores, me atrapalho, me perco, um inferno, menos pesquisa, amo pesquisar e encontrar coisas. Geralmente tenho umas 20 abas abertas. Fazia isso pra esse meu amigo, comentava, pesquisava e cheguei a escrever um texto certa vez, mas morrendo de medo. Deu tudo certo, graças a Deus. Foi bom, pois perdi um pouco do medo de publicar. O blog dele já começou grande, então tinha muita gente acessando.

No começo era isso, aprendia e tentava dar minha parte e deixei o meu blog lá, sem postar nada. Um dia a amizade acabou e pensei em deletar o blog. Nem sabia pra onde ir com aquilo. Foi quando encontrei o Robson e depois veio o Hang logo depois o Alê (meu irmãozinho com a voz mais linda, rsrs ele vai me matar), descobri vocês todos e seus conteúdos intermináveis. Uma das melhores coisas que me aconteceram no ano. Por isso sou grata a 2015, entre outras coisas. Então, acho que posso dizer, que de certa forma, meio torta, foi o legado de uma amizade que não era pra ser. Morreu uma e nasceram muitas outras. Um bom adubo, poderia dizer. Sou grata por isso.

Só sei que foi assim!

Dicas? Não me acho apta a dar dicas a ninguém, ainda mais com tão pouco tempo de blog. Mas se tivesse que falar de algo, seria algo pelo qual passei. Diria pra sempre esperar uma hora, pelo menos, antes de postar. Quase fiz uma postagem mês passado, que segundo fui informada, poderia me render alguns problemas no formato em que estava, trabalhando nisso. Ainda bem que parei e pensei antes, na verdade, terminei e fui dormir. Minha sorte. Então, é bom pensar e revisar bem antes.

Tem uma coisa que a linda Louise me ensinou e repito: ser franco. Dizer o que realmente quer dizer sem ofender, é claro, pois dá pra sentir do lado de cá, a emoção de quem escreve. Ao menos eu, sinto. Como disse o WLD, tem que ter brilho nos olhos quando escreve. Até pra comentar, eu só escrevo se sentir o brilho nos olhos. Então, recomendaria isso.

Mais uma vez, obrigada Vivi pela oportunidade.

Blogs indicados:

Lendo muito!!!

SrtaBrito

WLD EXILADO

Petite Aquarelle

PORTA204

Verdades de Um Escolhido

Lucascalacacamara’s Blog

Diário de Carola

Anúncios